Seguro de Transporte no Comércio Exterior: quanto custa e do que ele me protege?

O Comércio Exterior nos incentiva planejar passo a passo para que uma operação flua o mais harmoniosamente possível, e um desses passos é a contratação do Seguro de Transporte que, apesar de barato, importante e afetar pouquíssimo na rotina das Importações e Exportações, ainda é tratado como um custo que pode ser economizado e não como uma proteção.

Sendo assim, vamos lhe explicar o que é o Seguro de Transporte, quanto custa (com exemplos de cálculo!), quais as apólices e o que ele pode proteger, para que agregue mais segurança e sossego aos seus embarques.

O que é o Seguro de Transporte no Comércio Exterior?

Primeiramente, o Seguro no Comércio Exterior nada mais é que uma medida para mitigar ao máximo a possibilidade de ter uma grande dor de cabeça no futuro, razão pela qual não deveria ser dúvida para nenhum importador ou exportador e sim uma regra.

O seguro representa uma certa tranquilidade ao processo de transporte e ameniza prejuízos em caso de sinistros, diante dos imprevistos e riscos que podem ocorrer no transporte da mercadoria, como avarias, extravios, perdas e roubos.

Como funciona o Seguro de Transporte no Comércio Exterior?

O Seguro no Comércio Exterior tem diversas fórmulas, a depender do quanto sua operação exige ou do valor que esteja disposto a pagar.

Sua contratação estará ligada diretamente aos riscos envolvidos na operação, desde o valor e tipo da mercadoria, até os portos e aeroportos que serão usados nas rotas, as operações de carga e descarga e do INCOTERM utilizado.

Lembrando que a contratação do seguro pode ocorrer independentemente da existência de obrigatoriedade dele na sigla do INCOTERM utilizado, como no caso do CIP e CIF, mas procure não contratar seguro duas vezes para a mesma operação!

Coberturas e Tipos de Apólice:

Sabendo da importância do seguro, na maioria das vezes tentar economizar na hora de contratá-lo pode sair bem mais caro, por isso vamos conhecer alguns tipos de coberturas que os seguros oferecem:

Cobertura Básica Restrita C

Trata-se da cobertura menos ampla das três, cujo principal objetivo é cobrir perdas ou danos causados exclusivamente no transporte. Entretanto, mesmo sendo uma cobertura básica, podem cobrir outros riscos, como: incêndio, explosão, naufrágio, capotagem etc…

Cobertura Básica Restrita B

Trata-se de uma cobertura mais ampla que a Básica C, mas seu objetivo é o mesmo, cobrir o segurado contra perdas ou danos causados exclusivamente no transporte.

Esta cobertura abrange todos os itens citados na Básica C, além de cobrir outros riscos proporcionando mais proteção, tais como: perda parcial decorrente de fortuna do mar, inundação, desmoronamento, terremoto etc.

Cobertura Básica Ampla A

Trata-se da cobertura básica mais abrangente, englobando todas as coberturas citadas na Básica C e Básica B. O objetivo da Básica Ampla A é cobrir todo risco de perda e dano material sofrido em consequência de causas externas.

Além das coberturas, vale ressaltar os tipos de apólices oferecidas:

Lembrando que independentemente da cobertura escolhida, o segurado tem a liberdade de inserir serviços e coberturas adicionais em sua apólice, conforme desejar.

Seguro de Transporte: Como calcular o valor de seguro devido?

Então, aqui vamos mostrar o quão barato é o valor comparado aos prejuízos que podem ocorrer caso não seja contratado um seguro.

De forma fictícia, vamos dizer que a seguradora estabeleceu que o valor do seguro seja 0,21% sobre (Valor da Mercadoria + Frete) + 10% de despesas + 10% de lucros esperados.

30.000 + 3.000 = USD33.000,00

33.000,00 x 021% = USD69,30

69,30 + 10% (Despesas) = USD76,23

76,23 + 10% (Lucros Esperados) = USD83,85

Logo, o Seguro para uma carga de USD30.000,00 será de USD83,85.

Quanto representa o valor do Seguro da Carga em toda a Importação ou Exportação?

Vimos acima que o valor representa 0,21% da Mercadoria + Frete + Despesas e Lucros Esperados, contudo há mais a se considerar.

Pois toda importação e exportação possui outros custos como:

Portanto, aquele valor de USD83,85 será um percentual menor ainda no montante total.

Dito isso, é mesmo prudente economizar não contratando ele?

Do que o Seguro de Transporte me protege no comércio exterior?

Convencido de que o valor não é expressivo, ainda é preciso responder a uma das principais perguntas na hora de contratar o seguro, e é aí que entra esse tópico sobre as coberturas, mas vamos ressaltar alguns pontos antes.

Ninguém melhor que o dono da operação para entender e analisar o melhor seguro na hora da escolha, pois existem apólices de seguro que garantem a proteção contra todos os riscos de perdas ou danos sofridos por quaisquer causas externas, outros para garantir perdas ou danos causados decorrentes do meio de transporte, tais como:

Riscos/Danos

Além disso, avarias e sinistros que ocorrem com cargas podem ser de diversos níveis de complexidade, inclusive aqueles riscos ignorados por muitos segurados.

Neste sentido, podemos citar a Avaria Grossa como exemplo/dica para você analisar bem a escolha do seguro. Então fique atento:

Avaria Grossa é toda despesa extraordinária ou dano causado ao navio ou à carga, voluntariamente, em benefício comum de ambos.

Em outras palavras: com propósito de evitar um mal maior, o capitão do navio pode decidir decretar Avaria Grossa, o que inclui até tomar medidas extremas como lançar um contêiner ao mar.

Com a decretação de Avaria Grossa, e sendo ela efetivamente reconhecida, as despesas e danos dos procedimentos de salvamento serão rateados proporcionalmente entre os envolvidos (inclusive proprietários das cargas).

Portanto, se seu seguro cobrir este evento você não precisará arcar com o custo da Avaria Grossa!

O Seguro no Comércio Exterior é importante demais para ser economizado.

Sabendo das complexidades que existem desde a saída até a chegada/entrega da carga, especialmente no transporte marítimo e rodoviário, é extremamente necessário eliminar todos os riscos possíveis, a fim de se sentir tranquilo com a operação sabendo que existe um seguro para qualquer eventualidade.

Falamos e mostramos que deixar de fazer o seguro não é o melhor caminho para economizar, portanto, busque reduções em outros custos que podem ser melhorados de forma saudável, sem aumentar o risco do transporte.

Ficou com dúvidas sobre o tema? Precisa cotar o seguro de seu próximo embarque? Nos procure agora mesmo, o seguro da AGL é um produto completo e com benefícios além do que o mercado oferece.

Como diferencial AGL conseguimos fazer a cobertura porta a porta independente do Incoterm utilizado, cobrimos cargas refrigeradas, medicamentos, e determinadas cargas perigosas.

 

Mais notícias

O que o Agente de Carga precisa para cotar frete internacional?

Confira nesse texto todas as informações necessárias que um agente de cargas como a AGL precisa para cotar seu frete internacional o mais rápido possível.

O que é Agente de Cargas no Comércio Exterior?

Entenda nesse artigo o que é um agente de cargas no comércio exterior, sua importância e quais os principais serviços que a AGL presta.

Seguro de Transporte no Comércio Exterior: quanto custa e do que ele me protege?

O Comércio Exterior nos incentiva planejar passo a passo para que uma operação flua o mais harmoniosamente possível, e um desses passos é a contratação do Seguro de Transporte que, apesar de barato, importante e afetar pouquíssimo na rotina das Importações e Exportações, ainda é tratado como um custo que pode ser economizado e não […]